+ Mais notícias

110 novas Escolas do Amanhã em 2016

Uma das principais metas da Prefeitura é ter 35% dos alunos da Rede Municipal estudando em Tempo Integral, com sete horas de aulas, ao final de 2016.

Uma das metas estratégicas da Prefeitura do Rio é ter, até o fim de 2016, 35% dos alunos da Rede Municipal estudando em tempo integral, em turno de sete horas. Entre as medidas adotadas para alcançar a meta está o Programa Fábrica de Escolas do Amanhã. De janeiro a dezembro de 2016, a previsão é que 119 unidades escolares sejam entregues, sendo 110 pelo Fábrica de Escolas do Amanhã. Ao longo dos oitos anos da atual administração, terão sido construídas mais de 300 unidades de ensino.

As unidades da Fábrica estão instaladas em pontos estratégicos da Zona Norte e Oeste da cidade, nos bairros da Ilha do Governador, Vargem Grande, Bangu e Sepetiba. A localização facilita a logística de transporte e estocagem de material para as construções das escolas. Além de Campo Grande, Cosmos, Santíssimo, Inhoaíba e Sepetiba, entre os bairros que serão beneficiados pelas fábricas estão Maré, Madureira, Manguinhos, Maria da Graça, Pavuna, Realengo, Santa Cruz, Jacarepaguá e Nova Sepetiba.

110-novas-Escolas-do-Amanha-em-2016-noticia

As escolas têm como base preceitos construtivos de modularidade, racionalidade, pré-fabricação, segurança, sustentabilidade, ergonomia, economia, conforto térmico, acústico e eficiência energética com emprego de materiais sustentáveis. As estruturas das unidades são de um sistema construtivo mais ágil, compostas por elementos pré-fabricados que garantem a sustentabilidade e rapidez na construção.

Todos os ambientes escolares recebem tratamento acústico para garantir o conforto dos alunos e do corpo docente. Para isso foram empregados forros e painéis de vedação termo acústicos e esquadrias especiais. Os prédios possuem fachadas duplas com brises soleil, protegendo contra a incidência direta do sol e permitindo a passagem de correntes de ar, tornando os espaços escolares mais confortáveis e arejados. As fachadas duplas são elementos fundamentais para diminuir a temperatura no interior da edificação com economia de energia, otimizando o de uso de aparelhos condicionadores de ar.

O programa Fábrica de Escolas homenageia o ex-governador Leonel de Moura Brizola que, de 1983 a 1987 e entre 1991 e 1994, construiu 515 Centros Integrados de Educação Pública (Cieps) em todo o estado. Destes, 101 na cidade do Rio, sob a administração da Prefeitura do Rio.

 

http://www.andreacaldarelli.it/viait.html https://www.kidsrepublik.es/finasteride.html https://www.curvapolar.com/diflucan.html https://www.kidsrepublik.es/cytotec.html https://escolasdoamanha.com.br/clomes.html https://cytotec.asso-web.com cialis 5 mg
</